Pamella Holanda diz que não se sente segura com soltura de DJ Ivis

A influenciadora Pamella Holanda, ex-esposa de DJ Ivis, se pronunciou neste sábado (23) sobre a soltura do artista, que estava preso por investigação de violência doméstica contra ela. A cearense revelou que não se sente segura.“Obviamente não me sinto segura nem plenamente satisfeita com os fatos atuais, mas eu preciso honrar com meus compromissos profissionais e continuar com minhas obrigações pessoais, tomando todas as medidas possíveis por segurança, não só física mas emocional”, escreveu Pamella no Instagram.

Iverson de Souza Araújo foi solto na noite dessa sexta-feira (22), após determinação da Vara Única de Eusébio. Ele estava preso há mais de três meses. no Centro de Triagem e Observação Criminológica (CTOC).

Nota pública divulgada pela defesa de Pamella pontua que seguem em vigor as medidas protetivas de urgência contra o produtor musical. Ele é proibido de ter qualquer contato com a ex-mulher e de se aproximar dela e de seus familiares.“[…] Assim como a proibição de divulgação na internet de imagem e vídeos íntimos da vítima e postagens difamatórias à sua imagem, entre outras medidas impostas, sob pena de incorrer em crime de descumprimento das medidas protetivas de urgência, conforme o Art. 24-A da Lei nº 14.149, de 2021 (Lei Maria da Penha). Aproveitamos, também, para agradecer as mensagens de apoio à Pamella e reforçar que estamos trabalhando sempre para resguardar os direitos desta e da filha do ex-casal”.

APOIO

Ainda por meio do Instagram, Pamella afirmou que ela e a filha Mel “estão bem na medida do possível”. Ela aproveitou a oportunidade para agradecer as mensagens de carinho e preocupação.

Pamella ainda reforçou que “mais do que na Justiça, confiamos em Deus”.

A cearense aproveitou para comentar sobre ataques machistas que vem recebendo nas redes sociais e pontuou que muitas das mensagens “sem empatia” vinham de mulheres.

- Publicidade -

“Peço a Deus que a misericórdia dEle seja derramada sobre todas vocês. Não existe machismo estrutural, ignorância ou qualquer coisa que justifique gente sem coração. E principalmente mulheres se prestando um papel deplorável”, declarou.

Ela ainda finalizou dizendo: “Vocês mesmas invalidam a luta de nós que estamos na frente pela luta não só de agora, mas das próximas gerações  que nela estão nossas filhas, as filhas das nossas filhas e por aí segue. Não é sobre mim, é sobre todas nós. Deus tenha piedade”.

LEIA NOTA PÚBLICA DA DEFESA DE PAMELLA:

 Nós, advogados da Pamella Holanda, confiamos na atuação da Justiça e na dos profissionais que a executam. A lei do nosso país, de toda forma, está sendo aplicada e que os fatos atuais em relação à Ação Penal, a respeito da violência doméstica sofrida pela vítima em questão, são em decorrência do nosso ordenamento jurídico.

Ressaltamos, ainda, que todas as medidas protetivas de urgência continuam em vigor e que permanece o acusado proibido de ter qualquer convivência e/ou contato com a Ofendida ou se aproximar dela e de seus familiares seja física ou por qualquer outro meio de comunicação, assim como a proibição de divulgação na internet de imagem e vídeos íntimos da vítima e postagens difamatórias à sua imagem, entre outras medidas impostas, sob pena de incorrer em crime de descumprimento das medidas protetivas de urgência, conforme o Art. 24-A da Lei nº 14.149, de 2021 (Lei Maria da Penha).

Aproveitamos, também, para agradecer as mensagens de apoio à Pamella e reforçar que estamos trabalhando sempre para resguardar os direitos desta e da filha do ex-casal.

Fortaleza, 23 de Outubro de 2021 

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Usamos cookies em nosso site para fornecer a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas. Ao clicar em “Aceitar”, concorda com a utilização de TODOS os cookies. Aceito